quinta-feira, 30 de novembro de 2006

Homem ao mar


Pescadores ficam à deriva em São José do Norte

fonte: Zero Hora, Porto Alegre, 30/11/2006

Acorda-se no meio da noite e sente falta de Alfeu que está no mar. Seu corpo na cama, seu sorriso tostado de sol, de como gosta de gostar de sua volta.

Ama o pescador, batalhador, trabalhador. Porém, se sobressalta ao lembrar que ama quem não é nadador e perde o sono até o telefone tocar.

2 comentários:

Santa disse...

Sílvio, eu não conheço ainda um formato como esse que vc deu aos mini-contos. Nem vou repetir o quanto gosto!! Beijos.

Wilton disse...

Olá!
Caro Silvio. estou de volta para visitar os queridos amigos, aproveito para dizer, que me transformei de imediato em um permantente leitor deste seu novo espaço, que por sinal, muito bom. Gostei desta nova linguagem, é muito interessante. Parabéns! Obrigado pela visita e o convite feito. Estive recluso em um trabalho em uma livraria e fiquei sem oportunidade de fazer visita aos amigos. Um grande abraço.